Santiago de Querétaro – A menina dos meus olhos!

Pátio Barroco do Museo de Artes

A cidade de Santiago de Querétaro é uma cidade diferenciada. É colocar os pés lá e sentir um clima e uma sensação agradável. É uma cidade grande, sua população está estimada em 1.097,028 milhões de habitantes e cresce em um ritmo muito acelerado, comparada com algumas cidades da Europa. Ela é uma das cidades mais limpas do mundo e de fato é mesmo. A limpeza da cidade me surpreendeu assim que a conheci. Claro, como uma cidade grande e em desenvolvimento deve ter seus contras, mas eu ainda não os encontrei! 🙂

Quando se conhece Querétaro a sensação é que se encontrou uma cidade, diríamos quase perfeita. Limpa, organizada e bonita, tendo tudo o que você precisa para ter qualidade de vida e viver bem.

Sempre que vou lá, ela me remete automaticamente a uma cidade do interior do Brasil, mas com imensa infraestrutura. Tem um clima agradável quase o ano inteiro e detalhe, diferente de Celaya onde moro lá quase sempre garoa (isso me faz lembrar a terra da garoa, minha São Paulo amada!) tirando o pó horrível que cobre boa parte do centro do México.

Um bocado de Histórias

Passeio Turístico no "bondinho"

Queretáro é considerada “Cuna (berço) da Independência” do México. Logo na entrada da cidade tem uma placa enorme com essa frase. Existem muitas histórias a respeito da fundação de Querétaro, mas a mais aceita pelos historiadores foi que em 25 de julho de 1531 os habitantes indígenas da região, os Chichimeca teriam relatado que em uma de suas batalhas o apóstolo São Thiago (em espanhol Santiago) teria aparecido. Os Chichimeca teriam ficado aterrorizados com essa aparição e teriam se rendido. Por isso seu nome “Santiago de Querétaro”. Outros ainda dizem que a cidade apenas se formou depois da chegada dos espanhóis. A verdadeira história ninguém sabe, mas seja qual for a versão que você escolher, todas tem seu valor. E, falando em valor, mas precisamente em valor histórico e cultural, no Centro histórico da cidade está grande parte desse acervo. Sem dúvida é um dos grandes atrativos de Querétaro e deve é claro estar no roteiro de todos que vem conhecer o México. Ele (o centro histórico), é declarado Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO desde 1996. Quando conheci o lugar, eu me apaixonei! Foi amor à primeira vista! Me senti num filme do Zorro e não estou exagerando – principalmente pela Casa del la Corregidora. Quando entrei nela, achei que iria topar de cara com o Antônio Banderas hehehe!  Mas não é porque isso não aconteceu que o encantou acabou. Não! O centro histórico é um dos mais completos e lindos que já conheci (e olha que aqui no México toda cidade tem um centro histórico). E, para quem quer conhecer detalhes dessa cidade, no centro histórico tem um passeio em um “bondinho” com guia turístico. Eu recomendo, é muito bom!

Boa parte da rica história mexicana está toda ali; preservada pelas ruazinhas desse pedaço da cidade com sua bela arquitetura barroca esboçada por todos os cantos como se fossem pinturas. A impressão que tenho é que a cidade “grita” a sua história por todos os lados e não é difícil saber o porquê. Tudo está muito vivo ali – é como se apesar de todo o progresso da cidade, um pequeno canto ficasse  intocado por todos. É o “Rincón” preservado do México com muitos tesouros da humanidade! Andar pelas ruas, conhecer os templos e monumentos, topar com chafarizes e estátuas de personalidades da história mexicana estão incluídos no pacote pra quem quer conhecer Querétaro. Existem muitos mais pontos turísticos que vou relatando pouco a pouco, porque senão o post vai se tornar muito mais extenso, mas posso ir adiantando que além do centro histórico tão citado aqui, ainda existem templos, cemitérios, conventos e até um acueducto que corta parte da cidade, mas isso só no próximo post.

Independentemente da história, conhecer essa cidade deve fazer parte do roteiro de qualquer pessoa que venha nessa região do México. Uma cidade que oferece todo lazer e estrutura que você possa querer. Com bons hotéis e restaurantes, além de um leque de opções em entretenimento. Shoppings, aqui chamados de Galerias, museus e teatros – e mais, grandes shows e espetáculos acontecem por aqui.

Centro Histórico – Santiago Querétaro
Fonte – Centro Histórico, eu com meu filho João
Casa de la Corregidora
Índio Chichimeca – Centro Histórico Querétaro

Para ver mais fotos desta bela cidade, clique aqui e visite nosso álbum no Facebook!

Desenvolvimento e sustentabilidade

O nível de vida da cidade de Querétaro está avaliado como um dos melhores e mais caros lugares para se viver no México e na América Latina. A cidade tem baixa taxa de desemprego e criminalidade, e foi considerada em 2007 como uma das melhores cidades mexicanas para se fazer negócios –  é vista como uma cidade do futuro por muitos especialistas. A cidade cresce em ritmo acelerado, sendo também uma das mais limpas do mundo – ela foi avaliada junto com mais cidades da América do Norte no aspecto “potencial econômico a longo prazo” e nessa avaliação Querétaro ficou em quarto lugar. Com essa colocação acho que é mais fácil imaginar de que tipo de cidade estou falando, né?!

A cidade tem um projeto da secretária de desenvolvimento sustentável (Secretaría de Desarrollo Sustentable) muito interessante que me chamou atenção: “Querétaro se Mueve em Bici”. É um projeto que visa combater a emissão de gases poluentes emitidos pelos carros e outros meios de transportes, ajudando assim a preservar o meio ambiente e a saúde da população e ainda diminui o tráfego na área central da cidade. A secretária empresta as “bicis” na primeira uma hora; as horas seguintes são cobradas uma taxa de $5.00 pesos mexicanos, equivalente a R$0.72 centavos de reais. Para usar as bicis é necessário se inscrever e ter uma credencial. O projeto funciona de segunda a domingo das 8 horas da manhã até às 8 horas da noite. A “Bici” é um meio de transporte sustentável que melhora a vida de quem adere ao projeto. Estão disponíveis mais de 150 bicicletas e em 2011, a cidade criou uma lei única em todo o país para ajudar o ciclista à ter proteção legal. Todo ciclista tem obrigações e direitos como qualquer pessoa que dirija qualquer meio de transporte motorizado. Também com esse projeto a cidade está se remodelando e se ajustando para ter mais ciclovias.  No momento o projeto está focado mais na zona central da cidade, porque é o lugar onde tem maior fluxo de congestionamento, mas a intenção é implantar o mesmo projeto para outras zonas da cidade.

A cidade é um exemplo em todo México, sendo a primeira cidade no México a adotar um projeto como esse.

Quer pedalar e de quebra conhecer um Patrimônio Cultural da Humanidade? Tenho certeza que o lugar certo é o México!

Quer mais informações turísticas sobre Querétaro? Clique aqui!

Já tinha imaginado uma cidade assim no México? Fale pra gente o que achou e não deixe de visitar o álbum de fotoscompleto em nossa página no Facebook!

 

Maira Gardini, direto de Celaya, México.

Post de boas-vindas | Todos os posts | Perfil | Facebook

Anúncios

5 responses to this post.

  1. Posted by MadMaycon on 25/02/2012 at 5:21 AM

    Te amo!!!!

    Responder

  2. Posted by Nat Fox on 02/03/2012 at 12:35 PM

    Nossa, nunca imaginei uma cidade assim ai! Fikei com mta vontade de conhecê-la, parece ser um lugar lindissimo e perfeito pra se morar!

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: